Das experiências – lição 3

Das experiências -lição 3

Conforme venho falando aqui nos últimos posts, este mês de julho veio carregado de aprendizado. Estive aberta a absolve-los e afirmo que so obtive ganhos.
A mais curiosa oportunidade que o acaso me deu, caiu como uma luva, para todos nós.
Entre os tantos hospedes que recebemos, teve um italiano com deficiência visual. E eu me perguntei de cara: que segurança e qual motivação pode ter um deficiente visual, (mesmo acompanhado de um amigo)sair de seu pais, para assistir a jogos da copa?
Nao fiz a pergunta diretamente a ele, mas com o passar dos dias, fui encontrando a resposta, ao perceber a autonomia do rapaz. Aqui em casa, logo no primeiro dia, aprendeu a andar, identificar obstáculos e reconhecer as vozes. Ele age de maneira tão natural, que em nenhum momento passa pela cabeça de alguém sentir pena.
Fomos juntos ao jogo da Itália, ele se virou muito bem, torceu e como todos os italianos que viram a partida, lamentou a derrota. um torcedor a mais entre tantos outros que estavam no estádio.
Neste mesmo dia, resolvemos fazer um jantar italiano: Saverio preparou a massa e Maurizio(o que tem deficiência visual), fez questão de fazer a sobremesa , por sinal deliciosa. Todas as receitas, italianas.
Pois bem, nessa altura do campeonato eu estava tendo a oportunidade de vivênciar uma história de superação.
Não me contive e resolvi travar um dialogo com Maurizio. Segurei em sua mao e perguntei como ele encontra forças para viver nessa escuridão. Ele naturalmente me disse que é um aprendizado. Ele ja nasceu cego, e foi tocando a vida assim, sem auto piedade.
Hoje fala 5 idiomas, trabalha na radio da BBC e é também tradutor simultâneo em Bruxelas.
Me deu a maior forca, dizendo que no meu caso, a deficiência é passageira. Esta fala teve grande significado para mim.
Nao posso negar que senti um imenso carinho por Maurizio, possivelmente uma afinidade por perceber nele, uma figura que representa a forca, a coragem, que muitas vezes faltam a mim.

Anúncios

5 opiniões sobre “Das experiências – lição 3

  1. A cada história do seu CONTAROLANDO, me convenço ainda mais que todas essas histórias podem transformar um livro. Emocionante o relato e que bom que Maurizio, esteve em sua casa, trazendo lições de vida pra vc e para cada um de nós. Continue, nos CONTAROLANDO! Beijos querida e avante nessa estrada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s