Encontro

Encontros

Neste período em que tive que me afastar das atividades profissionais, tenho encontrado com pessoas, que além de desejarem a minha franca recuperacao, pedem a minha volta à televisão. Nao posso negar que sinto falta do meu trabalho de jornalista de televisão. Logo após o AVC, ficou muito claro, que teria seqüelas, e consequentemente, limitações.
Hoje passados quase 3anos , posso dizer, que venci seqüelas em relação a voz . A parte motora, ainda me limita. Preciso estar em frente àscâmeras sentada.Em pé, já complica. Computador, só usando a mão direita. O meu lado esquerdo ainda está em processo de recuperacao. Contudo, nao estou parada, e estou com a cabeça cheia de projetos. Mesmo em casa trabalho, tenho um dia cheio de atividades intelectuais e físicas. Para recuperar-me das seqüelas motoras, é preciso muito exercício e disciplina, as vezes da preguiça, mas o desejo de recuperar é tanto que vou treinando e acreditando nosresultados.
Claro que tenho os meus momentos de folga, os dias em que resolvo faltar uma sessão de fisioterapia e trocar por um café com amigas, o que é saudavel tambem.
pois bem, no inicio do post, estava falando sobre os encontros casuais. Quando saio, é bem comum acontecerem, as pessoas me reconhecem,geralmente me cumpri mentam,me acham bem, e perguntam, porque nao estou trabalhando.
Recentemente, estava em uma livraria num shopping, quando um rapaz muito simpático me abordou e disse-me que sentia a minha falta na televisão, o só entendeu o meu afastamento, quando me viu na TV, na campanha de combate ao AVC.
Me fez elogios, e pediu que eu voltasse. Euargumentei, que nao tenho mais agilidade para estar numa redação. Ele continuou insistindo e aí se deu a conversa. De repente, recebi um super estimulo de um, ate então desconhecido.
Nao posso negar, que essa conversa mexeu comigo, o depoimento dele foi muito verdadeiro e por acaso aconteceu um dia depois de eu ter recebido uma homenagem ( na assembléia) pelo meu trabalho como jornalista. Fiquei mexida e pensando sobre possibilidades de voltar ao estúdio.. Nao sou ingênua e sempre encarei a realidade de frente. Porém espaços se abrem, e ate numa conversa informal pode surgir uma idéia, um o convite. Há quem acredite. O projeto ja esta no papel.
Neste caso, sonhar, pode ser voltar a fazer o trabalho que amo, ou voltar a andar como antes.
É preciso aterrissar , a vida nos ensina a adiar os sonhos.
No momento estou dividida. Compreendo que navego num mar incerto, mas com mesmo falou o poeta : “navegar é preciso”.

Anúncios

2 opiniões sobre “Encontro

  1. É isto aí minha amiga, na hora certa vai acontecer. Sua capacidade continua intacta, o resto virá por tabela, com o passar do tempo. Beijo e mais uma vez parabéns por nos nos repassar uma agradável leitura.

    Enviada do meu iPhone

    >

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s